• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
    • ALÉM DA COTA
    • COMUNICADO PORTARIA 2132
    • peticionamento eletronico DTI
    • aviso horário 2019
    • BRASILIT BANNER

    Oficina de Poesia em Libras reuniu público com deficiência auditiva e ouvinte para apresentações de poesia

    Com o objetivo de sensibilizar o público interno do MPT em São Paulo para as diversidades da deficiência e as variadas formas de comunicação interpessoal, o Comitê Gestor Regional de Equidade de Gênero, Raça e Diversidade do MPT em São Paulo organizou, dia 28 de agosto, a Oficina de Produção de Poesia em Libras e Língua Portuguesa. A atividade foi ministrada pelo grupo Slam do Corpo, representado por Leo Castilho, Cauê Gouveia e Érika Mota, que desenvolveu trabalho corporal aliado a representação textual e gestual, tradução e performance, criando oportunidade artística para que pessoas surdas e ouvintes tivessem a oportunidade de se encontrar em um espaço comum de criação.

    Imprimir

    Prefeitura de Osasco oferece cursos profissionalizantes para jovens infratores para atender a acordo com o MPT

    A determinação é uma reversão da multa do descumprimento do TAC devido ao transporte de funcionários em caçambas

    Barueri, 05 de setembro de 2019 - Em acordo firmado com o Ministério Público do Trabalho (MPT) em Barueri, a prefeitura de Osasco se comprometeu a disponibilizar cursos profissionalizantes para jovens que cumprem medida socioeducativa de liberdade assistida e de prestação de serviços, como reversão de multa por descumprimento de termo de ajuste de conduta (TAC) em que se comprometia a regularizar o transporte seguro de trabalhadores da prefeitura.

    Imprimir

    Bemis é processada por ambiente de trabalho perigoso e prejudicial à saúde

    A empresa poderá pagar uma indenização de 5 milhões de reais

    São Bernardo do Campo, 04 de setembro de 2019 - O Ministério Público do Trabalho (MPT) em São Bernardo do Campo ajuizou uma ação civil pública (ACP) contra a empresa Bemis do Brasil Indústria e Comércio de Embalagens Ltda., em agosto de 2019, por irregularidades no meio ambiente de trabalho. O órgão pede o pagamento de uma indenização de R$ 5 milhões de reais pelos danos morais coletivos, que poderá ser revertida para instituições ou programas de fins não- lucrativos.

    Imprimir

    Monólogo sobre casos de trabalho escravo e tráfico de pessoas encerra campanha #TodosContraOTráficoDePessoas

    27 de agosto de 2019 - A campanha #TodosContraOTráficoDePessoas, promovida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), a ONU Brasil e parceiros para chamar a atenção para a situação das vítimas do tráfico de pessoas no Brasil, foi encerrada no dia 21 de agosto no Auditório do Ibirapuera, em São Paulo (SP), com a apresentação da peça Trinta e Dois. Aberto ao público e convidados, o evento de encerramento contou com a participação de cerca de 800 pessoas, que assistiram aos monólogos cujos textos foram baseados em relatos verídicos de pessoas que foram traficadas para exploração sexual e trabalho escravo, interpretados pelos atores Cris Vianna, Dan Ferreira, Natallia Rodrigues e Yasmin Bispo, dirigidos por Mariana Jaspe.

    Imprimir

    Audiência coletiva reúne sociedade civil e entidades parceiras da campanha #TodosContraOTráficoDePessoas

    Evento foi parte das ações da campanha e abordou o papel da atuação institucional no combate ao tráfico de pessoas.

    Na terça-feira (20), aconteceu no auditório do Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT-SP) a audiência coletiva com o tema Todos contra o Tráfico de Pessoas, com participação de oito palestrantes e com a apresentação de depoimentos de vítimas de trabalho forçado.  

    Imprimir

    Lojas Americanas processada em 11,3 milhões por assédio moral

    Vítimas eram pessoas com deficiência contratadas por meio da Lei de Cotas

    Barueri, 27 de agosto de 2019 – A Lojas Americanas S/A foi processada na semana passada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) em Barueri pela prática de assédio moral e discriminação contra pessoas com deficiência (PCDs). Na ação civil pública, o MPT pede R$ 11.300.000,00 em danos morais coletivos.

    Imprimir

    • banner pcdlegal
    • banner abnt
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner radio
    • banner trabalholegal
    • Portal de Direitos Coletivos